loader image
/
/
Após ser expulso, jogador agride árbitro em Blumenau

Após ser expulso, jogador agride árbitro em Blumenau

Advogado Criminalista Franklin Assis fala sobre o caso para a imprensa.

Franklin Assis

06/04/2022

Imagem: O Município Blumenau - Reprodução

Fábio Kaschinski, de 40 anos, estava atuando como árbitro de um jogo de futebol durante a noite de sábado, 2, quando foi agredido por um dos jogadores. O caso ocorreu por volta das 21h, em um jogo entre Vila Real e Barra Volt, em uma praça esportiva na rua Doutor Pedro Zimmermann, no bairro Salto do Norte, em Blumenau.

Segundo o relato que consta no boletim de ocorrência, Fábio estava apitando o jogo quando deu uma falta e expulsou um dos jogadores do time Vila Real. O autor deu um soco na boca de Fábio, o que causou uma lesão na parte inferior do lábio.

A Polícia Militar foi acionada para atender a ocorrência, mas o homem saiu do local antes da chegada dos policiais. Diante dos fatos foi feito um boletim de ocorrência.

“Ele está arrependido do que fez”

A reportagem recebeu o contato de Franklin Assis, advogado criminalista que está representando o autor. Segundo Franklin, ele afirma que foi uma atitude impensada, no calor do momento. “Ele se sensibiliza e está arrependido do que fez. Foi uma atitude impensada que o fez perder a cabeça”.

Franklin afirma que, agora, o trabalho será para para defendê-lo de eventual representação da vítima. “Ele é uma pessoa de boa índole e este momento não pode definir seu caráter. Ele reconhece que errou e irá arcar com as consequências deste erro”.

Contudo, o advogado explica que a defesa trabalha também para identificar e conter ameaças que o autor vem sofrendo desde o episódio, principalmente em redes sociais.

“A defesa repudia as ofensas e ameaças que ele está recebendo. Para o julgamento e a punição já existem o Estado, a Justiça e a delegacia. Esta atitude impensada não dá o direito de as pessoas cometerem outros crimes, e por isso iremos representar judicialmente contra pessoas que cruzarem esta linha. Todos estão sujeitos a perderem controle, como por exemplo no trânsito ou até mesmo em jogos profissionais de futebol”.

TEXTO E FOTO: Jornal O Município Blumenau

Todos direitos reservados a Franklin Assis Advogados associados